CULINÁRIA

Saúde e economia: Confira dicas para deixar sua Ceia de Natal mais saborosa e econômica

Nutricionista aponta elementos que ajudam a balancear a confraternização em família

Publicados

em

Quando se fala em Ceia de Natal, logo vem em mente muita fartura e, sobretudo, alimentos ricos em gorduras e calorias, aumentando as expectativas de unir toda a família para um grande banquete. Com isso, vem o dilema: será que dá para saborear todos aqueles pratos típicos e investir em alimentos mais leves ao mesmo tempo? De acordo com a nutricionista do Fort Atacadista, Cibele Câmara, sim. A grande questão é saber medir as quantidades e equilibrar as refeições.

Investir nas frutas oleaginosas, típicas do período de Natal, como avelã, pistache, nozes, amêndoas e castanhas é uma boa alternativa. “Elas ajudam a proteger o coração e reforçam a imunidade. Temos ainda, as frutas secas como damasco, figo, ameixa e uva-passa, ingredientes que proporcionam saciedade e ajudam a regular o intestino”, avalia.

As frutas da estação também são muito consumidas nas ceias das casas brasileiras. O abacaxi, por exemplo, acompanha muito bem a carne de porco e tem propriedades diuréticas, afirma Cibele. “Outra fruta típica é o pêssego, que tem características desintoxicantes, além de ser diurético e laxativo. Caso tenha exagerado na comida, a dica é guardar alguns pêssegos para o dia seguinte”, pontua a nutricionista. Já a cereja tem poder anti-inflamatório e, apesar de ser doce, pode ser consumida até mesmo por quem é diabético. Há, ainda, a uva, que traz grandes benefícios para a saúde da pele e ajuda a combater o envelhecimento.

Além dos exemplos citados acima, Cibele lembra de outros alimentos típicos do período natalino e que, se consumidos com moderação, trazem grandes benefícios. Um deles é o peru, rico em proteínas, ferro, fósforo e potássio e pobre em gorduras, possuindo vitamina B6, que auxilia o sistema imunológico. O Tender é outra proteína com baixo teor de colesterol e traz minerais, como o magnésio. “Podemos falar também da famosa lentilha, que é uma grande fonte de fibra e ferro, prevenindo anemia e ajudando no funcionamento do intestino”.

Uma dica importante para a ceia é tentar combinar ao máximo as frutas com os pratos principais, como manga com peito de peru. Evitar misturar carboidratos, como arroz com farofa, é outra alternativa viável. A preferência por alimentos grelhados e assados, somados a uma salada bem colorida, com bastante folhas, frutas e oleaginosas tornam a alimentação mais rica nesta época.

Leia Também:  Municípios do interior celebram aniversário de emancipação nesta quinta-feira

No Fort Atacadista é possível encontrar frutas frescas variadas no setor de hortifruti. Às quintas-feiras, os preços estão ainda mais baixos, já que todas as unidades promovem a “Quinta Verde”.

Vale lembrar que para quem for escolher produtos típicos deste período, como chocolate, vinhos e cestas de Natal, as compras podem ser parceladas por meio do Vuon Card, cartão de crédito próprio da empresa. Entram na lista ainda os panetones, tenders, espumantes, destilados, aves natalinas (peru e aves especiais) e azeites, em até quatro vezes sem juros no cartão, com parcela mínima de R$ 15,00.

Natal do Milhão – Em 2021 o Fort Atacadista lançou a campanha “Natal do Milhão”, com o sorteio de duas casas no valor de R$ 350 mil cada e de 100 vales-compras no valor de R$ 3 mil cada, totalizando R$ 1 milhão em prêmios. A campanha segue até o dia 25 de dezembro e é válida para clientes de todas as 47 lojas do Fort no país, presentes nos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e no Distrito Federal.

Para participar, o cliente que realizar compras a partir de R$ 100,00 ganha um número da sorte para concorrer. Ao adquirir produtos das marcas participantes, o consumidor ganha mais um número. E clientes que utilizarem o Vuon Card têm chances em dobro para concorrer aos prêmios.

Depois, basta cadastrar o pin code no site da promoção (www.natalfortatacadista.com.br). Nas compras on-line, através do e-commerce, o cadastro será realizado via chave de acesso da nota fiscal. As compras feitas até 25 de dezembro podem ser cadastradas até 03 de janeiro de 2022. O sorteio de todos os prêmios será no dia 08 de janeiro de 2022 pela Loteria Federal.

Horários de atendimento para o Natal – O Fort Atacadista, rede de atacarejo do Grupo Pereira, possui oito lojas em Campo Grande. No período natalino, as lojas estarão com horários diferenciados para melhor atendimento ao público. De 16 a 19 de dezembro, a abertura será das 7h às 23h. De 20 a 23 de dezembro, das 7h à meia noite. Na véspera de Natal, dia 24 de dezembro, será das 7h às 20h nos seguintes endereços:

Leia Também:  Global Big Day 2022: ação pretende estimular ainda mais a observação de aves no MS

Loja Coronel Antonino – R. São Borja, 586 – Vila RicaLoja Getúlio Vargas – Av. Pres. Vargas, 1336 – Papa João Paulo IILoja Guanandi – Av. Pres. Ernesto Geisel, 501 – Jardim JacyLoja Moreninhas – Av. Gury Marques, 4855Loja Parati – Rua da Divisão, 1208Loja Shopping Norte Sul Plaza – Av. Pres. Ernesto Geisel, 2300Loja Tiradentes – Rua Antônio Bicudo, 112 – Jardim São LourençoLoja União – Rua Petrópolis, nº 1080 – bairro União

Sobre o Grupo Pereira  

Fundado em 1962, na cidade de Itajaí, em Santa Catarina, o Grupo Pereira atua no varejo e no atacado com as bandeiras Comper, Fort Atacadista, Bate Forte e SempreFort. São 16 mil funcionários e 780 representantes comerciais autônomos nos Estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Santa Catarina, São Paulo e no Distrito Federal. Com 93 unidades de negócio, sendo 28 lojas do Comper (rede de supermercados), 47 lojas do Fort Atacadista (atacarejo), sete filiais do Atacado Bate Forte (atacadista de distribuição), 10 lojas SempreFort (varejo farmacêutico) e um posto de combustível, o Grupo Pereira também é proprietário do braço de serviços financeiros Vuon, lançado em 2019, que inclui o private label Vuon Card, que já conta com mais de 570 mil cartões emitidos, além de seguros e assistência odontológica.

Com a missão de oferecer uma experiência de compra positiva, por meio de excelência no relacionamento com clientes, fornecedores e funcionários, o Grupo Pereira colabora com a sociedade por meio de programas de sustentabilidade e responsabilidade social.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CULINÁRIA

Aipim, bistrô brasileiro em bairro gourmet de Campo Grande

Arroz Carreteiro emperiquitado e pacu são delícias imperdíveis

Publicados

em

Aberto há um ano, o restaurante de comida brasileira – Aipim Cozinha de Raízes – caiu de vez no gosto do campo-grandense. E tudo isso bem ali, no bairro Santa Fé, em Campo Grande.

‘’O Aipim é para quem gosta e sonha com comida de verdade, o espaço tem charme de bistrô e uma simplicidade ímpar, que você se sente em casa!’’, apresenta a chef Magda Moraes.

Pacu é uma das delícias do Aipim. (Foto: Reprodução Instagram)

A empresária destaca a importância da procedência, qualidade e frescor dos ingredientes. A carne de sol, o pão, os molhos são feitos na casa. Os pratos são preparados na hora, com exceção do pacu sem espinhos, recheado com farofa de banana-da-terra e assado na folha da bananeira e em forno de pedra. Acompanha arroz e pirão e é o único que deve ser pedido com antecedência.

‘’O Aipim tem no cardápio a autêntica comida brasileira, a cozinha de raiz, que temos vontade de comer todos os dias’’, reflete Magda.
Arroz carreteiro emperiquitado. (Foto: Reprodução Instagram)
Um dos destaques é o arroz carreteiro emperiquitado, brinca Magda. Ela explica que nada mais é que uma releitura do quebra-torto, comida dos peões servida no café da manhã nas fazendas da região.

‘’É o que melhor representa a cozinha regional. Faço com carne de sol da casa, linguiça calabresa, banana-da-terra e castanha-de-caju’’, detalha a chef.

Leia Também:  Paróquia São João Batista celebra aniversário do município de Selvíria

‘’Temos também a moqueca de pintado, peixe da região, com banana-da-terra. É servida na panela de barro e chega fumegante na tua mesa. Acompanha arroz, farofa de biju com dendê e castanha-de-caju’’, acrescenta Magda.

Outro prato emblemático e afetivo é a rabada com creme de aipim e agrião. Acompanha este prato uma vasilha com água para o cliente limpar os dedos, para que possa se sentir à vontade, em casa. “Para chegar até o fim do ritual de chupar os ossos da deliciosa rabada e lamber os beiços”, diz a chef.

”A cozinha afetiva leva as pessoas a despertarem suas memórias, seja de pessoas queridas que faziam tão bem este prato, como de lugares por onde passou ou mesmo épocas da vida como a infância”, garante a chef, que diz ter se emocionado várias vezes com os relatos dos clientes.

E aquele pão de aipim que vai à mesa, quentinho, com sardinha preparada na casa e manteiga de limão. Não há como não falar do pastelzinho de carne de sol, a coxinha de camarão com pesto, claro, com massa de mandioca, crocante por fora e cremosa por dentro.

Leia Também:  Chuva e frio continuam em Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira

‘’São muitas iguarias, se prepare para ficar indeciso!’’, brinca novamente a empresária.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

SELVÍRIA

ACONTECEU

MATO GROSSO DO SUL

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA