SAÚDE

Anvisa aprova uso emergencial de medicamento para covid-19

Uso do molnupiravir já está aprovado em 17 países

Publicados

em

A diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta quarta-feira (4) o uso emergencial do medicamento molnupiravir, da empresa Merck Sharp & Dohme (MSD), para tratamento da covid-19.

O molnupiravir é um medicamento antiviral de uso oral que, nos ensaios clínicos, mostrou efeitos benéficos a pacientes adultos leves e moderados, com capacidade de reduzir os casos de hospitalização e mortes. De uso domiciliar, ele funciona para reduzir as chances do vírus Sars-CoV-2 se multiplicar e se reproduzir no corpo.

O medicamento já está em uso em 17 países e foi aprovado pelas agências regulatórias nos Estados Unidos, na Europa, no Japão, no Reino Unido, na Austrália e também pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A diretora Meiruze Freitas, relatora do processo, ressaltou a importância de opções terapêuticas para determinadas condições clínicas, especialmente em indivíduos que, por várias razões, têm alto risco de desenvolver as formas graves de covid-19. A diretora alertou que o molnupiravir não substitui a vacina, que continua sendo a melhor opção para prevenir a doença.

Leia Também:  Municípios do interior celebram aniversário de emancipação nesta quinta-feira

Indicação

De acordo com a Anvisa, o medicamento é indicado para o tratamento da covid-19 em adultos que não requerem oxigênio suplementar, que apresentam risco aumentado de progressão da doença para casos graves e cujas opções alternativas de tratamento aprovadas ou autorizadas pela Anvisa não são acessíveis ou clinicamente adequadas.

O medicamento é de uso adulto, com venda sob prescrição médica, e não é recomendado durante a gravidez, a amamentação e em mulheres que podem engravidar e que não estão usando contraceptivos eficazes. Isso porque estudos de laboratório em animais mostraram que altas doses de molnupiravir podem afetar o crescimento e o desenvolvimento do feto.

O molnupiravir deve ser utilizado durante os cinco primeiros dias após o aparecimento dos sintomas, de modo a evitar o desenvolvimento de uma versão resistente do vírus. Além disso, deve ser limitado a cinco dias consecutivos.

A dosagem em pacientes adultos é de 800 mg (quatro cápsulas de 200 mg) por via oral, a cada 12 horas, e por cinco dias, com ou sem alimentos. O medicamento deve ser utilizado assim que possível após o diagnóstico da doença e dentro de cinco dias do início dos sintomas.

Leia Também:  Coleta de exames no Rede Solidária agiliza acesso a exames para população

Contraindicações

A agência reguladora esclarece que o medicamento é contraindicado nos seguintes casos:

– para uso em pacientes com menos de 18 anos de idade;
– para uso em mulheres grávidas;
– para início do tratamento em pacientes que necessitam de hospitalização, uma vez que seus benefícios não foram observados em indivíduos quando o tratamento é iniciado após a hospitalização;
– para uso por mais de cinco dias consecutivos;
– para profilaxia pré-exposição ou pós-exposição para prevenção de covid-19.

Prescrição médica

A Anvisa alerta também que o molnupiravir é um medicamento que deve ser usado após a avaliação e a prescrição médica. Requer adequada dispensação farmacêutica, com orientações de que o medicamento é de uso individual e não pode ser repassado a terceiros sem avaliação e prescrição médica.

Edição: Denise Griesinger

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

SAÚDE

Coleta de exames no Rede Solidária agiliza acesso a exames para população

A coleta de material para exames está sendo feita neste mês e em junho

Publicados

em

Sem fila, aglomeração ou demora. Esses foram os principais pontos positivos apontados por quem procurou o Programa Rede Solidária para fazer exames laboratoriais gratuitos.

A iniciativa é fruto da parceria entre o programa, desenvolvido pelo Governo do Estado e gerido pela Secretaria de Direitos Humanos Assistência Social e Trabalho (Sedhast), e a faculdade Unigran de Campo Grande através do curso de Biomedicina.

Tânia Ester: iniciativa ajuda os moradores

“Meus outros dois filhos participam do programa que sempre está ajudando a gente. Faz tempo que não consigo fazer exames, para meu bebê com muito custo consegui no posto, mas demorou muito, o posto está sempre cheio. Aqui é rápido, sem tumulto”, conta Tânia Ester, moradora do bairro Jardim Noroeste.

Norma Pereira feliz por ter conseguido atendimento aos filhos com rapidez

Norma Pereira, também moradora do bairro, trouxe três dos cinco filhos para fazer os exames disponíveis. “Foi tranquilo, pessoal é bem atencioso e tiveram calma com as crianças. Não teve aquela demora do posto. É a primeira vez que meus dois filhos mais velhos fazem exames, a menina tem 15 e meu menino 8 anos. Isso é muito bom”.

Para a biomédica Isabel Borges, representante do curso de Biomedicina da Unigran, a coleta de exames é essencial para prevenção e tratamento de diversas doenças. “Através desses resultados é possível analisar se o paciente tem desde uma anemia até doenças hepáticas. Com exames em mão o paciente poderá buscar atendimento médico com mais qualidade e celeridade. Para nós, da Unigran, essa parceria representa ensino de qualidade para os alunos que estão aprendendo na prática como é o atendimento à população”.

As coletas estão sendo realizadas neste mês de maio e junho, nas duas unidades do Programa, atendendo em média 25 pessoas por dia, disponibilizando ao todo 100 coletas, com aproximadamente 16 tipos de exame de sangue, urina e fezes.

Isabela Borges, biomédica

A próxima coleta será dia 26 de maio no Programa Rede Solidária I, no bairro Dom Antônio Barbosa. Os interessados em fazer os exames de urina e fezes devem comparecer um dia antes na unidade para retirar os coletores de material.

Para mais informações entre em contato com Rede Solidária I pelo telefone (67) 3308-3041.

Deise Helena, Rede Solidária
Fotos: Divulgação

VEJA TAMBÉM

Profissão do momento, reeducandos de MS aprendem a confeccionar móveis planejados

O mercado de móveis planejados nunca esteve tão em alta no Brasil, contribuindo para a grande procura por serviços de um marceneiro. Profissão que está representando também uma chance de recomeçar a custodiados em unidades prisionais da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen/MS). Cursos na área estão sendo […]

Leia Também:  7ª edição da campanha ‘Aqueça uma vida’ arrecada doações até o dia 24 de maio

Coleta de exames no Rede Solidária agiliza acesso a exames para população

A coleta de material para exames está sendo feita neste mês e em junho Sem fila, aglomeração ou demora. Esses foram os principais pontos positivos apontados por quem procurou o Programa Rede Solidária para fazer exames laboratoriais gratuitos. A iniciativa é fruto da parceria entre o programa, desenvolvido pelo Governo do Estado e gerido pela […]

Com foco na inovação, MS Contrata+ disponibiliza “shopping virtual” para compra e venda de produtos

Espaço virtual no aplicativo tem a intenção de fomentar o empreendedorismo no Estado Além de oferecer vagas de empregos e qualificação profissional, o aplicativo “MS Contrata +” da Funtrab (Fundação de Trabalho de MS) também oferece um “shopping virtual”, onde empresas podem vender seu produtos e serviços, negociando diretamente com os compradores neste espaço digital. […]

Leia Também:  Mulheres são campeãs do Festival de Pesca de Águas do Miranda
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Profissão do momento, reeducandos de MS aprendem a confeccionar móveis planejados

O mercado de móveis planejados nunca esteve tão em alta no Brasil, contribuindo para a grande procura por serviços de um marceneiro. Profissão que está representando também uma chance de recomeçar a custodiados em unidades prisionais da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen/MS). Cursos na área estão sendo […]

Coleta de exames no Rede Solidária agiliza acesso a exames para população

A coleta de material para exames está sendo feita neste mês e em junho Sem fila, aglomeração ou demora. Esses foram os principais pontos positivos apontados por quem procurou o Programa Rede Solidária para fazer exames laboratoriais gratuitos. A iniciativa é fruto da parceria entre o programa, desenvolvido pelo Governo do Estado e gerido pela […]

Com foco na inovação, MS Contrata+ disponibiliza “shopping virtual” para compra e venda de produtos

Espaço virtual no aplicativo tem a intenção de fomentar o empreendedorismo no Estado Além de oferecer vagas de empregos e qualificação profissional, o aplicativo “MS Contrata +” da Funtrab (Fundação de Trabalho de MS) também oferece um “shopping virtual”, onde empresas podem vender seu produtos e serviços, negociando diretamente com os compradores neste espaço digital. […]

Conteúdo acessível em libras usando o VLibras Widget com opções dos Avatares Ícaro ou Hozana.Conteúdo acessível em libras usando o VLibras Widget com opções dos Avatares Ícaro ou Hozana.

GO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

SELVÍRIA

ACONTECEU

MATO GROSSO DO SUL

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA