INTERNACIONAL

Previsão de Baba Vanga anunciaria uma invasão alienígena para breve

Conhecida como “Nostradamus dos Balcãs”, a vidente também teria previsto uma nova pandemia

Publicados

em

Imagem ilustrativa

A “profetisa” búlgara Baba Vanga, mais conhecida como a “Nostradamus dos Balcãs”, teria previsto que uma civilização alienígena de um ponto remoto do Universo visitará a Terra em 2022. Segundo teoristas da conspiração, seus escritos também preveriam que um novo patógeno emergirá do permafrost siberiano, iniciando outra pandemia. As supostas previsões da mística estão envoltas em controvérsia.

Previsões polêmicas

Vangelia Pandeva Dimitrova, mais conhecida como Baba Vanga (1911-1996) teria feito previsões até o ano 5079. Segundo seus seguidores, ela antecipou o começo e o final da Segunda Guerra, o fim URSS e o ataque às Torres Gêmeas. Só que, de acordo com um jornal búlgaro que foi conferir sua história, na verdade ela teria sido uma senhora normal e caridosa que nunca fez previsões durante sua vida.

Se depender dos acertos de previsões atribuídas a Baba Vanga para 2021, ninguém precisa se preocupar com ataques de alienígenas. Para aquele ano, ela teria previsto que “a grande nação no oceano será destruída” e que isso provocará devastadoras “inundações, terremotos, tormentas e grandes ondas”. Muitas criaturas serão destruídas. Não somente isso, mas os sobreviventes morrerão de uma doença grave”. Nada disso aconteceu.

Leia Também:  Prefeitura de Selvíria troca ponte por tubulação para facilitar trânsito e escoamento da produção na zona rural

As interpretações de textos proféticos são sempre polêmicas. Isso porque textos de videntes como Nostradamus, por exemplo, são tão vagos que podem se encaixar em qualquer explicação, de acordo com céticos.

Por EDUARDO ELIAS

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

INTERNACIONAL

PERIGO ESPACIAL – Destroços de foguete chinês, que tinha MS na rota, caíram no oceano

Veículo espacial chinês de 23 toneladas, do tamanho de um prédio de 10 andares

Publicados

em

A República Popular da China (RPC) confirmou que os destroços do foguete Longa Marcha 5B (CZ-5B), que tinham Mato Grosso do Sul como rota de possível queda, reentrou sobre e caiu no Oceano Índico aproximadamente às 10h45 MDT deste sábado 30 de julho (08h45 de MS). Em algum lugar perto da Malásia.

O veículo espacial chinês tinha 23 toneladas, do tamanho de um prédio de 10 andares, fez uma reentrada descontrolada na atmosfera, apesar disso, caiu numa área onde não haviam humanos.

A Força Espacial dos EUA confirmou que o que alguns, primeiro, confundiram com meteoros, os destroços que na verdade eram do foguete.

Mostramos ontem aqui no MS Notícias, que o foguete foi enviado em 24 de julho de 2022 a partir do Centro de Lançamentos Wenchang, na Ilha Hainan, na China.

Acredita-se que a grande maioria do corpo principal do foguete se desintegrou ao entrar na atmosfera da Terra, portanto, é improvável que qualquer detrito que tenha pousado no Oceano Índico seja fácil de encontrar.
CREDITOS  – MS NOTICIAS

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Suzano prorroga prazo de inscrições para processo seletivo de Condutora de Veículo Florestal exclusivo para mulheres
Continue lendo

SELVÍRIA

ACONTECEU

MATO GROSSO DO SUL

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA