ECONOMIA

Sebrae e Sesi promovem ação Empresa Segura em Selvíria

Pequenos negócios receberão consultoria gratuita para a implantação de protocolo de biossegurança e vacinação contra H1N1

Publicados

em

Em Selvíria, micro e pequenas empresas serão atendidas pela ação Empresa Segura, realizada pelo Sebrae/MS em parceria com o Sistema Fiems, por meio do Sesi. A iniciativa, promovida a partir do programa Cidade Empreendedora, aderido pela primeira vez neste ano pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, oferece consultoria gratuita aos pequenos negócios para a implantação de protocolo de biossegurança, além da vacinação contra H1N1 para os colaboradores registrados pelas empresas.

A ação contempla os 22 municípios do Estado que aderiram ao Cidade Empreendedora. De acordo com o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, o objetivo é dar apoio aos pequenos empreendedores para que eles possam permanecer de portas abertas com segurança. “Estamos passando por um momento delicado e o Sebrae está trabalhando junto com o Sesi para ajudar o empresário. Queremos dar condições para que ele possa adequar o empreendimento às medidas de biossegurança necessárias e garantir o sustento da sua família”, ressaltou Claudio.

Segundo a ergonomista de gestão em Saúde e Segurança do Trabalho do Sesi, Priscilla Bueno, a iniciativa vai ter um impacto positivo no bem-estar da população, além de dar segurança ao empresário. “São ações que vão além da necessidade de atender os requisitos da legislação, vamos melhorar a qualidade de vida e produtividade das pessoas, manter as empresas abertas no período da pandemia e fornecer evidências de ações de combate à pandemia para a segurança jurídica das empresas”, pontuou Priscilla.

Leia Também:  Brasil registra 365 mortes e 30,2 mil casos de covid-19 em 24 horas

Cronograma em Selvíria

Podem participar da ação Empresa Segura apenas Microempresas (ME) e Empresas de Pequeno Porte (EPP). As vagas são limitadas e os empresários de Selvíria interessados em participar devem fazer o cadastro até quarta-feira (21), por meio deste link: bit.ly/empresasegurams.

Ao aderir a ação, o empreendedor receberá uma consultoria para a implantação dos protocolos de biossegurança que inclui, além do planejamento para a adequação do espaço físico, um acompanhamento mensal até dezembro deste ano.

Em Selvíria, o início desse trabalho vai ser agendado individualmente com cada empresário inscrito na ação, a partir do dia 24 deste mês. Junto com as orientações do consultor, será disponibilizado ao empreendedor o acesso à plataforma Viva+, voltada para a gestão de Saúde e Segurança do trabalho. Além disso, nas micro e pequenas empresas cadastradas como participantes da ação, também será realizada a aplicação de vacinas contra H1N1 para os colaboradores registrados.

Além de Selvíria, a ação Empresa Segura também é realizada nos seguintes municípios: Amambai, Bandeirantes, Camapuã, Chapadão do Sul, Corumbá, Costa Rica, Dourados, Inocência, Jaraguari, Jardim, Maracaju, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Paraíso das Águas, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rio Verde de Mato Grosso e Terenos.

Leia Também:  Selviria amanhece com chuva, depois de quase 3 meses de tempo seco, veja a previsão do tempo de hoje

Informações: Assecom/PMSel / ASN – Agência Sebrae de Notícias.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Caminhoneiros recebem auxílio com parcela dobrada

Valor será de R$ 2 mil este mês para motoristas de carga

Publicados

em

Os motoristas de carga autônomos recebem hoje (9) as duas primeiras parcelas do Auxílio Caminhoneiro, benefício emergencial para repor os efeitos do aumento do diesel neste ano. Como cada parcela equivale a R$ 1 mil, cada caminhoneiro receberá R$ 2 mil neste mês.

O dinheiro será depositado nas contas poupança sociais digitais e poderá ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite a compra em lojas virtuais cadastradas, o pagamento de contas domésticas e a transferência para qualquer conta bancária.

Criado pela emenda constitucional que estabeleceu estado de emergência por causa da alta do preço dos combustíveis, o Auxílio Caminhoneiro será pago até dezembro. A emenda elevou benefícios sociais e instituiu auxílios emergenciais até o fim do ano.

Quem tem direito

Terão direito ao benefício os transportadores de carga autônomos cadastrados no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTR-C), da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), até 31 de maio deste ano. Os profissionais deverão estar com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o CPF válidos, entre outras exigências.

Também chamado de Benefício Emergencial Caminhoneiro (BEm-Caminhoneiro), o auxílio será pago a cada transportador autônomo, independentemente da quantidade de veículos que tiver. O pagamento do BEm-Caminhoneiro vai ser revisado mensalmente. Para os próximos lotes de pagamento, a ANTT vai encaminhar ao Ministério do Trabalho e Previdência a relação dos transportadores autônomos de cargas que estiverem na situação “ativo” no RNTR-C.

Leia Também:  Brasil registra 365 mortes e 30,2 mil casos de covid-19 em 24 horas

Quem estiver com situação cadastral pendente ou suspensa poderá regularizar o registro na ANTT e receber as parcelas a partir da data da regularização. No entanto, o governo esclarece que não terá direito a parcelas que tenham sido pagas.

Auxílio Taxista

No próximo dia 16, será a vez de os taxistas receberem o benefício emergencial para a categoria. Eles também ganharão duas parcelas do benefício (julho e agosto), de até R$ 1 mil cada uma. O valor final dependerá da quantidade de taxistas que demandarem o benefício. Caso haja mais taxistas que o previsto, o valor para cada um ficará menor. A terceira parcela será paga em 30 de agosto.

Terão direito ao benefício os motoristas de táxi registrados nas prefeituras, titulares de concessões ou alvarás expedidos até 31 de maio. Não será necessária qualquer ação por parte dos taxistas. Em caso de dúvidas, o motorista deve entrar em contato com a prefeitura para verificar o cadastro municipal. A prestação das informações caberá inteiramente às prefeituras (ou ao governo do Distrito Federal, no caso da capital federal).

Calendário do Auxílio Caminhoneiro 2022
Parcela                   Data de pagamento        Cadastro ativo no Ministério da Infraestrutura
Julho e agosto        9/8 (valor em dobro)        até 22/7
Setembro                24/9                                 até 11/9
Outubro                  22/10                               até 9/10
Novembro              26/11                                até 13/11
Dezembro              17/12                                até 4/12

Leia Também:  Selviria amanhece com chuva, depois de quase 3 meses de tempo seco, veja a previsão do tempo de hoje

Calendário do Auxílio Taxista 2022
Parcela                 Data de pagamento
1ª e 2ª parcelas            16/8
3ª parcela                      30/8
4ª parcela                      22/10
5ª parcela                      26/11
6ª parcela                      17/12

Fonte: Caixa Econômica Federal

 

Edição: Graça Adjuto

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

SELVÍRIA

ACONTECEU

MATO GROSSO DO SUL

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA