ECONOMIA

Bancos não terão expediente durante feriado de carnaval

Informação é da Febraban

Publicados

em

Em razão da pandemia de covid-19, muitos estados e munícipios brasileiros revogaram seus pontos facultativos e cancelaram suas festas e desfiles de carnaval.

Apesar disso, a Federação Brasileira de Bancos (Febrabab) informa que, de acordo resolução do Banco Central, o calendário de feriados bancários está mantido e nos dias 15 e 16/02 – segunda e terça-feira de carnaval – não haverá atendimento ao público nas agências.

Na quarta-feira de cinzas (17) o início do expediente será às 12h, com encerramento em horário normal de fechamento das agências.

Edição: Graça Adjuto

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Prefeito de Selvíria José Fernando, busca em Brasília apoio parlamentar a pautas municipalistas
Propaganda

ECONOMIA

Mato Grosso do Sul abre 2.372 empresas no 1° trimestre do ano e atinge recorde histórico

Publicados

em

Mato Grosso do Sul atingiu um recorde histórico com a abertura de 2.372 empresas no primeiro trimestre de 2021. No mesmo período do ano passado o número somava 1.911 empresas, resultado 24% menor. O balanço foi divulgado ontem (15) pela Jucems, órgão vinculado à Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

Desde o início da série histórica da Jucems no ano 2000, o resultado que mais se aproxima do deste ano foi em 2010, quando foram abertas 1.923 empresas no primeiro trimestre do ano. Ainda assim, 19% inferior ao resultado atual.  A média mensal de aberturas de empresas no 1º trimestre de 2021 de 791, representa um aumento de 24,18% em relação a 2020 que teve a média mensal de 637 aberturas.

O setor de serviços alavancou o resultado, sendo responsável por 65% do total de empresas abertas no trimestre, 1.543 em números absolutos. O comércio abriu 720 empresas ou 30% do total, enquanto que novas indústrias foram 109 ou 4,6%, conforme os dados compilados pela Jucems.

Leia Também:  Saúde: Selvíria será contemplada com emenda de R$ 40 mil para equipamentos de fisioterapia
Foto: Semagro

Titular da Semagro, o secretário Jaime Verruck destaca que mesmo atravessando um período de pandemia, que gera consequências econômicas para todos os setores, Mato Grosso do Sul atingiu um recorde histórico e muito positivo para a economia.

“Precisamos analisar duas questões, primeiro o empreendedorismo de sobrevivência, que reflete no setor de serviços crescente. Que são pessoas se adaptando à realidade para sobreviver. Por outro lado, o Estado tem apresentado índices de crescimento acima da média, com bons resultados do PIB e essa movimentação econômica têm crescido apesar das dificuldades”, explica.

O número de fechamentos de empresas no primeiro trimestre de 2021 foi de 1.039 empresas, que representa um resultado equivalente a 2020 quando 1.034 empresas foram fechadas. O presidente da Jucems, Augusto de Castro, lembra que o número de fechamentos de empresas é alavancado por dois principais fatores, impacto das medidas decorrentes da pandemia causada pelo Covid-19 e a extinção da cobrança da taxa pelas juntas comerciais brasileiras para fechamento de empresas.

Leia Também:  Arrastão contra a dengue: Selvíria intensifica ações contra o mosquito Aedes Aegypti

Importante destacar que os dados divulgados pela Junta não incluem os MEI’s (Microempreendedores Individuais), que são constituídos de forma virtual em portal próprio do Governo Federal – www.portaldoempreendedor.gov.br.

Priscilla Peres, comunicação Semagro 

Foto capa: Saul Schramm

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

SELVÍRIA

ACONTECEU

MATO GROSSO DO SUL

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA