ACONTECEU

Conrado, da dupla com Aleksandro, está em estado grave na UTI

João Vitor Moreira Sales, seu nome de batismo, está internado em estado grave na UTI do Hospital Regional de Registro, no interior de São Paulo.

Publicados

em

Após informações que Conrado havia apenas se ferido no acidente de ônibus que matou sua dupla, Aleksandro, a equipe do artista revelou que o João Vitor Moreira Sales, seu nome de batismo, está internado em estado grave na UTI do Hospital Regional de Registro, no interior de São Paulo.

“O cantor encontra-se no momento na UTI, em estado grave, mas estável, sendo necessário aguardar a evolução do quadro nas próximas horas”, explicou a assessoria
Em um primeiro momento, a assessoria dos cantores havia divulgado que Conrado estava internado apenas com ‘ferimentos leves’, porém o quadro se agravou com o passar das horas.

MOTIVO DO ACIDENTE

As investigações sugerem que um dos pneus do ônibus teria estourado, resultando em um acidente que fez 5 vítimas, além de Aleksandro.

LISTA DE MORTOS

Foi divulgado pela equipe de Aleksandro e Conrado a lista oficial das fatalidades que aconteceram no acidente de ônibus:

Wisley Aliston Roberto Novais (músico), de Sandovalina (SP)
Marzio Allan Anibal (músico), de Ibiporã (PR)
Giovani Gabriel Lopes dos Santos (técnico), de Londrina (PR)
Roger Aleixo Calcagnoto (músico), de Londrina (PR)
Gabriel Fukuda (técnico de luz), São Sebastião de Amoreira (PR)

Leia Também:  CESP lança canal de comunicação para comunidades vizinhas à UHE Porto Primavera

CONHEÇA A HISTÓRIA DA DUPLA CONRADO E ALEKSANDRO

Foram apenas 19 anos de história em conjunto, mas cercadas de alegrias, conquistas e expectativas. a morte do cantor sertanejo Aleksandro, neste sábado, 07 de maio, após o tombamento do ônibus em que ele estava com o parceiro musical, Conrado, e a equipe da dupla, marca o ponto final.

A ideia de formar a dupla partiu de Formada por Conrado, nome artístico de João Vitor Soares. Ele e Aleksandro, que na verdade se chamava Luiz Aleksandro Talhari Correia, se uniram em 2003 em Dourados, no Mato Grosso do Sul.

O início foi clássico, tocando em barzinhos. Além de canções que fazem parte do setlist obrigatório dos sertanejos, eles apresentavam músicas autorais que logo fizeram sucesso.

Em 2009, a dupla lançou seu terceiro CD pela gravadora Som Livre, conta com a faixa “Certos Detalhes”, em parceria com o cantor Luan Santana.

De acordo com o site oficial da dupla, a gravação do primeiro DVD foi durante um show em 2012, no Paraná. Em 2014, Conrado e Aleksandro lançaram um novo CD, gravado em Curitiba. O destaque foi o single “Lobos”. Em 2017, a dupla lançou um de seus maiores sucessos “Põe no 120”, que foi um dos maiores sucessos entre os peões dos rodeios de Barretos.

Leia Também:  Após criticar Lei Rouanet, vazam valores milionários que Zé Neto & Cristiano ganharam

Com mais de 1 milhão de visualizações no YouTube com o sucesso “Tereré e Narguilé”, lançado 2018, os amigos gravaram ainda músicas inéditas e regravações, como “Vidas Divididas” e “Põe no 120”.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ACONTECEU

Mulheres são campeãs do Festival de Pesca de Águas do Miranda

Publicados

em

Três mulheres entre 48 e 52 anos foram as campeãs do 1º Campeonato de Pesca Esportiva de Águas do Miranda, distrito de Bonito, disputado no sábado (14). A equipe fisgou o maior exemplar de espécie nobre de peixe, um jaú, superando um dia difícil de pescaria devido às mudanças climáticas na região, culminando com uma chuva no período da tarde.

O torneio foi promovido pela prefeitura de Bonito, com o apoio do Governo do Estado, por meio da Fundação de Turismo (Fundtur/MS), e contou com a participação de 45 equipes e 120 pescadores, a maioria do Estado. A realização do evento integra o plano municipal de desenvolvimento do turismo no distrito para tornar a pesca esportiva novo produto de Bonito.

“Não foi fácil ganhar esse festival porque a água estava fria e o peixe não come, mas a gente teve paciência e esperou esse jau”, diz Andréia Cristina Souza, 50, integrante da equipe campeã. Ela trabalha como piloteira em um atrativo do distrito e pesca há 20 anos.

Pesca em família

Suas companheiras – Silvia Aparecida Lourenço, 48, e Maria Aparecida Souza, 52 – também conhecem as águas do Rio Miranda como poucos. Elas integram famílias de pioneiros na região, vindos do Paraná. Maria Aparecia (Cida) viveu na barranca do rio, vendeu peixe na beira da MS-345 (antiga Estrada do 21) e tornou-se empresária em hotelaria e gastronomia.

Leia Também:  Quinta-feira terá tempo estável, com possibilidade de chuvas isoladas na região Centro-Norte do Estado
Casal do distrito ganhou o motor de 15 HP e festeja o prêmio com o prefeito Josmail Rodrigues e organizadores do torneio

“Nosso objetivo era fisgar um dourado, mas a queda da temperatura e depois a chuva limitaram a pescaria. Mas foi divertido e ganhar esse festival foi bom demais”, conta ela, que guarda como troféu na parede de seu restaurante uma foto com um pacu de 16,5 quilos capturado com anzol de galho no Miranda, há uma década.

Para o prefeito de Bonito, Josmail Rodrigues, o festival foi um sucesso: “estamos iniciando um projeto de fomento ao turismo no distrito, focando na pesca em família, criando mais um bom produto com a facilidade de acesso pela MS-345, cujo asfaltamento é nossa gratidão ao governador Reinaldo Azambuja e ao secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel”, disse.

Isaac ganhou um caiaque no sorteio

Sorteio de prêmios

A premiação da prova adulta foi realizada na noite de sábado, no centro do distrito, com a presença do prefeito e da secretaria municipal de Turismo, Juliane Salvadori. Na sequência, a comunidade e os turistas assistiram ao show do grupo Tradição.

Leia Também:  Saiba como evitar acidentes graves com uso de panela de pressão

Na oportunidade, foram sorteados os prêmios especiais: o barco de seis metros ficou com a equipe formada por João Batista da Silva Roberto Benites e Arcanjo Junior de Campo Grande. O motor 15 HP ficou para a equipe formada pelo casal Wagner Souza Lima e Elaine lima, de Águas do Miranda. Neste domingo, foi realizada a prova infanto-juvenil – idade entre 5 e 16 anos de idade.

Neste domingo (15), o campeonato infantil, realizado na barranca do Rio Miranda, reuniu um grande número de crianças e jovens de 5 a 16 anos de idade, encerrando o grande evento em Águas do Miranda. O pequeno pescador Isaac Emmanuel Vilanova Colman fisgou um pacu, mas não foi o vencedor do torneio. No entanto, foi sorteado e ganhou o prêmio (um caiaque) patrocinado pela prefeitura de Bonito.

Texto: Subsecretaria de Comunicação (Subcom)
Fotos: Chico Ribeiro

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

SELVÍRIA

ACONTECEU

MATO GROSSO DO SUL

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA